João Lara
Flamenco
Biografia

João Lara, bailarino, professor e coreógrafo de Flamenco, tornou-se o primeiro bailarino de Flamenco português a ser premiado em Espanha e a pertencer a uma Companhia profissional de flamenco em Espanha.

+ Ler mais

João Lara, bailarino, professor e coreógrafo de Flamenco, graduado pelo Conservatório Profissional de Dança António Ruiz Soler de Sevilha, Diplomado em baile Flamenco pela Universidade Loyola, encontra-se, atualmente a frequentar o Mestrado de ensino em dança na Escola Superior de Dança de Lisboa.

Em 2020 é convidado pelo encenador Carlos Avilez para coreografar e actuar na obra "Yerma", contracenando com atores como Sara Matos, Renato Godinho, Rodrigo Tomás, Teresa Côrte Real, Rita Calçada Bastos, entre outros.
Nesse mesmo ano, recebe o Primeiro Prémio na categoria de melhor coreografia a pares no Concurso Internacional de Flamenco Puro Jerez de la Frontera (Espanha). É ainda finalista no Concurso de televisão da RTP1, a Batalha dos Jurados.

Em 2019, recebe o Segundo Prémio para solistas profissionais adultos e o Prémio Especial Fama Centro de dança de Jerez no Concurso Internacional de Flamenco Puro em Jerez de la Frontera (Espanha) tornando-se o primeiro bailarino de flamenco português a ser premiado em Espanha.

Recebe durante dois anos seguidos 2018/2019 Bolsa de estudos na Fundação Cristina Heeren em Sevilha.

Em 2018, participa no programa de televisão da RTP1, Got Talent Portugal, ficando entre os finalistas.

Durante vários anos atua em vários países como México, Japão, Finlândia, Marrocos, Espanha etc., como solista ou em companhias de dança.

Bailarino solista convidado da companhia japonesa Danzarte (2019).

Integra o corpo de baile do espectáculo “Terapia" da Companhia de Dança de Luis de Utrera (2018).

Atua como bailarino principal no espectáculo “Flamenco en Kusnacht” estreado em Zurique (2017).

Integra o corpo de baile do espectáculo "Guajiro" da Companhia de Dança de José Galván, estreado no Teatro Cajasol - Sevilha (2016).

Integra o corpo de baile do espetáculo “Bailando a Camarón” da Companhia de Dança José Galván tornando-se o primeiro bailarino de Flamenco português a entrar numa companhia profissional de flamenco em Espanha (2015).

Em 2015 atua com o seu próprio espectáculo "Raíces" no Festival Flamenco Lisboa no Casino Estoril, levando-o a várias salas de espetáculo do País.

Em 2014 é convidado como bailarino principal no videoclip “El Feo” de Pepe el Marismeño y Diego Carrasco.

Em 2011 recebe o Primeiro Prémio do concurso organizado pelo Centro de Dança de Oeiras na categoria Dança Étnica.

Teve formação tanto em Espanha como em Portugal com professores como Ana Moya, Luisa Palicio, El Choro, Milagros Menjibar, Javier Barón, Ursula Lopes, La Choni, Luis de Utrera, Rute Sá Lopes, Ana Martinez entre outros.


Prémios
Primeiro Prémio
Primeiro Prémio na categoria de melhor coreografia a pares no Concurso Internacional de Flamenco Puro Jerez de la Frontera (Espanha).
2020
Segundo Prémio
Segundo Prémio para solistas profissionais adultos no Concurso Internacional de Flamenco Puro em Jerez de la Frontera (Espanha)
2019
Prémio Especial
Prémio Especial Fama Centro de dança de Jerez no concurso internacional de Flamenco Puro em Jerez de la Frontera (Espanha)
2019
Primeiro Prémio
Primeiro Prémio do Concurso Centro de Dança de Oeiras - Categoria Dança Étnica
2011
Videos
Segundo Prémio para solistas profissionais adultos e Prémio Especial Fama Centro de dança de Jerez no concurso internacional de Flamenco Puro em Jerez de la Frontera (Espanha) tornando-se o primeiro bailarino de flamenco português a ser premiado em Espanha - 2019
Primeiro Prémio na categoria de melhor coreografia a pares no concurso internacional de Flamenco Puro Jerez de la Frontera (Espanha) - 2020
Espetáculos

Aulas presencias

Imprensa
joaolara.flamenco@gmail.com